home /

Tabus

 

Assuntos difíceis de abordar

 

 

A "primeira vez"

A "primeira vez" é uma das experiências sexuais mais importantes na vida de um homem, sendo, por isso, causa frequente de ansiedade. Se, no caso do homem, o orgasmo coincide com a ejaculação, no caso da mulher coincide com a contração repetida das paredes da vagina. É, pois, importante, que o homem se demore a explorar o próprio corpo, bem como o da sua parceira. Ler mais

 

A fragilidade sexual masculina

Os anos 70 colocaram em causa muitas certezas, alterando equilíbrios antigos que, de alguma forma, contribuíam para manter juntos os casais. A libertação das mulheres evidenciou uma dependência e fragilidade nos homens até então escondida. Ler mais


 
O amor é um jogo a dois

O prazer sexual é um direito tanto do homem como da mulher, e este é um facto que tem de ser aprendido. Numa relação, a reciprocidade cria uma intimidade e cumplicidade sólidas, que mantêm o desejo vivo. Conduza o seu parceiro pelas suas preferências e esteja atento às dele. Ler mais
 

A satisfação feminina e a duração do sexo

Durante o orgasmo, o tamanho da vagina diminui cerca de 30%. As contrações do útero durante o orgasmo podem realmente facilitar a fertilização. Além disso, ter prazer no ato sexual ajuda a manter um casal junto. Mas quanto tempo deveria durar uma relação sexual satisfatória para a mulher alcançar prazer? Ler mais

O orgasmo feminino

Enquanto o homem tem apenas um "caminho" para o prazer, a mulher tem pelo menos dois, a vagina e o clítoris. As mulheres podem ter um orgasmo por estimulação do clítoris, da vagina ou por uma combinação dos dois. O orgasmo vaginal é referido em 20-30% das mulheres e está ligado à penetração durante as relações sexuais. Ler mais


 
Pornografia e internet

O maior risco da pornografia é o facto de os indivíduos poderem considerar o desempenho pornográfico como um modelo para uma vida sexual ideal. Nestes casos, a internet e a pornografia relacionada com este meio representam formas possíveis de indução de doenças sexuais. Por outro lado, muitos terapeutas sexuais consideram a pornografia como parte da terapia sexual para casais, desde que a troca de informação na internet seja realizada através de contacto com peritos. Ler mais 
 

Brinquedos sexuais

Um inquérito realizado via internet a mais de 2.000 mulheres americanas, com idades entre os 18 e os 60 anos, revelou que cerca de 53% utilizou um vibrador pelo menos uma vez. Entre aproximadamente 1.000 homens com idades compreendidas entre os 18 e os 60 anos, menos de metade dos participantes (44,8%) afirmou ter usado um vibrador em algum momento da sua vida. Mas quais os benefícios que podem obter-se a partir da utilização deste tipo de brinquedos sexuais? Ler mais